sexta-feira, março 06, 2009

beijo




Um beijo em cada lágrima tua
Um beijo que roube teu medo
Um beijo que roube um beijo
À tua boca. Em segredo

Das palavras que te sobram
Desse segredo que agitas
Irei escrever num poema
A vida das tuas vidas

E dessa lágrima vã
Que te chega na manhã
E que a incerteza embalou

A ela darei a luz cã
A figura física, sã
Do beijo que te tocou

jorge@ntunes

4 comentários:

Geminiana disse...

Maravilhoso poema!Um beijo em cada verso...um beijo em cada palavra.
És um grande poeta.Parabéns!

Um beijo muito carinhoso:)

Fica na Paz!

@lexis disse...

Beijo grande meu amor...

Anónimo disse...

êta saudades...
casou?
escreve qualquer coisa que me fale de você, manda por e-mail ou por qualquer coisa.
perdi seu telefone.
tudo igual ou quase.

e as poesias
tudo igual quando lindo
diferente quando diferente
entenda-me
tanto que mudou, você nem imagina


Beijo
Marta

Ana Paula disse...

Um beijo em cada lágrima tua
Um beijo que roube teu medo
Um beijo que roube um beijo
À tua boca. Em segredo


Lindo esta partilha!
Ana Paula

Related Posts with Thumbnails