quarta-feira, fevereiro 13, 2008

lágrima d'ontem





Ontem chorei
Apenas porque
Podia chorar

Porque sei
De todas as lágrimas
Que joguei no mar

Ontem chorei
Porque o que resta de mim
É algo que já nem sei

E porque é sempre ontem que choro
E porque é sempre amanhã que reprovo
Cada fraqueza de agora

Choro apenas porque posso
Nunca mais poder chorar
Pode arrojar-me, o tempo fora

Ontem chorei
Senti a correr plo rosto a alma
Num fio luminoso
Sulcando com doce calma
O caminho da perdição

Ontem chorei
Apenas porque encontrei
Em novo sonho, ilusão...

jorge@ntunes

4 comentários:

Paula Antunes disse...

Faz bem chorar...

Eu também choro muitas vezes...

Beijos

Geminiana disse...

Meu Anjo, tenho dificuldade em comentar.Pois sabes bem que gosto de te ver alegre, sorrindo e de bem com a vida,não chorando,mas se te deu vontade chora...quando precisares de um ombro para chorar as mágoas é só me chamar.Um lindo poema se não tivesse essa dose de tristeza... mesmo assim merece os meus Parabéns.

ADORO-TE!

Beijinhos coloridos:)

Muita Paz!

Célia disse...

Só te posso dizer o mesmo q me disseste a mim...
Levanta a cabeça
Antes que a noite aconteça
E te prenda no escuro

Podes pensar, talvez, que não, mas eu estou aqui, penso em ti e sofro contigo...acredites ou não...é a pura das verdades...

Gosto muito de ti, tens muito valor e nunca mas nunca te esqueças disso...mesmo q as minhas palavras não contem, mesmo q sejam só uma sombra...

Beijos

Paula Raposo disse...

É tão verdade o que escreves e sentes...

Related Posts with Thumbnails