sexta-feira, fevereiro 08, 2008

levanta a cabeça



Levanta a cabeça
Antes que a noite aconteça
E te prenda no escuro

Não te escondas na fenda
Da ferida horrenda
No olhar obscuro

Não feches a porta
Atrás de outra hora
Que não vai voltar

Contorna a derrota
Demanda outra rota
Para o teu olhar

Não tombes de vez
Que há sempre um talvez
Fora da queda

Deixa que te conte
Sobre um mar e uma fonte
Uma estória de encantar

Que houve um rio que nasceu
Só porque a fonte percebeu
Não saber viver longe do mar

Fonte, rio, mar, em três
Um, apenas, sem talvez
Porque nada que vive, vive só

Levanta a tua cabeça
Deixa que o sonho aconteça
Que hoje és vento, amanhã pó

jorge@ntunes

3 comentários:

Geminiana disse...

É isso aí!Um belíssimo poema com palavras mais otimistas.Parabéns!
Tens mesmo é que pensar positivo...
optar para ser feliz,eliminando os pensamentos ruíns, negativos,as mágoas,revoltas,enfim,não valorizar
pensamentos que nos jogam para baixo.És lindo,tens talento,TUDO PODE é só acreditar.AMEI!


Um fds feliz e de Paz!

Mil beijos pra ti...com carinho:)

ADORO-TE... POETA QUERIDO!

Paula Antunes disse...

É isso mesmo Mano temos sempre que levantar a cabeça mesmo que a vida não seja fácil.

Temos que pensar que nada nem ninguém mos pode derrotar.

Beijos

Sonia Villegas disse...

Nice images... are they yours as well??

Related Posts with Thumbnails