sábado, novembro 12, 2005

este fado em mim...



Este meu fado calado
á luz do pecado
de saber a ti
caminha de braço dado
com este passado
que sempre vivi

eu olho quem passa e me diz
que já fui feliz
e o meu sorriso esconde
uma lágrima que longe
diz o que sou o que fiz

no canto da chuva há melancolias
de outros tantos dias
que o vento soprou
e para longe levou
as minhas utopias

este meu fado calado
há muito guardado
é tudo o que tenho
do que de ti por aqui ficou
neste pecado que sou
neste meu triste fado

jorge@ntunes

4 comentários:

Anónimo disse...

Sinto dizer-te que tu me fizeste
chorar...É muito linda a música portuguesa, aliás eu amo tudo que diz respeito a Portugal...O quadro
ta típico.Para mim, foi mais que um poema...Foi um presente que vai ficar na saudade...Amei...Beijinhos
Geminiana

moon between golden stars disse...

ó pah...
gosto tanto desta música... adoro de coração mesmo... onde a foste desencantar?... é linnnnnnndaaaaaa...
bigada por este momento mágico
és um doce
jinhus

Paula Raposo disse...

Mais um poema tão bonito, Jorge. Mas demasiado triste. Beijinhos para ti, boa semana

Silêncios disse...

Passei... fica um beijo

Related Posts with Thumbnails